// Gastronomia

Sábios cozinheiros aprimoraram e preservaram o sabor da cozinha tradicional assente em produtos endógenos, apresentando pratos que brilham nas ementas dos principais restaurantes do Concelho.

As iguarias mais procuradas são a lampreia, no período compreendido entre janeiro e abril, e o tradicional “caldo de nabos” que os gondomarenses não dispensam durante as Festas do Concelho entre setembro e outubro.

A gastronomia é um dos principais cartazes turísticos de Gondomar, fruto da realização contínua durante mais de duas décadas, de Festivais Gastronómicos que gozam de um elevado reconhecimento público, são eles a “Festa do Sável e da Lampreia”, realizado em fevereiro e março; “Caldo de Nabos”, realizado em setembro e outubro. Mais recentemente a iniciativa dedicada aos “Rojões e Papas de Sarrabulho à Moda de Baguim do Monte”, em fevereiro, tem conquistando um crescente número de apreciadores.

Na doçaria destacam-se o “Coração de Gondomar” e o “Mimo D´Ouro”, doces inspirados em produtos regionais como as nozes, o nabo e o mel. Por fim, realce para a crescente afirmação do vinho verde produzido no Concelho.